Grandes Feitos.

°Único Heptacampeão Paraense de futebol (1913, 1914, 1915, 1916, 1917, 1918 e 1919).

°Pentacampeão Paraense de futebol Profissional(1993, 1994, 1995, 1996, 1997).

°Bicampeão Paraense em 2004 com 100% de aproveitamento na competição (único clube que conseguiu este feito na era profissional).

°Recorde histórico de 33 partidas sem perder para o seu maior rival, o Paysandu, durante os anos de 1993 a 1997 (Exatos 4 anos, 3 meses e treze dias) totalizando uma campanha de 21 vitórias e doze empates com 49 gols a favor e 20 contra.

°O clube do Norte que mais longe chegou na Copa do Brasil (1991 - semi-final).

°Oitavo colocado no Campeonato Brasileiro de 1993, fazendo a melhor campanha de um clube do Norte na Primeira Divisão Nacional.

°Único clube do Norte que disputou Torneio Internacional na Europa (1995-Torneio de Toulon - Remo vice-campeão invicto). Na primeira partida, diante da seleção de Bucareste(Romênia), o Remo empatou em 1 a 1 no tempo normal, no entanto conseguiu a vitória e a classificação para a final nos pênaltis, por 4 a 3. O título foi disputado contra o time do Toulon(frança). O jogo também terminou empatado em 1 a 1, no entanto, os paraenses não tiveram a mesma sorte do jogo passado e perderam por 6 a 5, ficando com o vice campeonato do torneio.


°Em 1968 o leão teve o privilégio de enfrentar o Benfica(Portugal) no Baenão. A equipe era uma das maiores expressões do futebol europeu e cujo time servia de base para a seleção de Portugal, que em 1966 terminou em terceiro lugar na Copa do Mundo disputada na Inglaterra. O placar foi 1 x 1, o leão marcou com Amoroso e o Benfica com Torres.

°Em 1965, o Remo trouxe a Balém o Santos do Rei Pelé, melhor clube do mundo na época. Dia 29 de Abril foi realizado o amistoso. A vitória do alvinegro Praiano por 9 x 4 foi o menos percebido, de maior percepção foi o feito azulino de enfrentar o melhor clube do mundo.

°Em 1950 a equipe do Clube do Remo foi convidada para realizar uma excursão a Venezuela, para a disputa de 6 partidas. Nestas 6 partidas, a equipe azulina venceu 5 e perdeu apenas 1 partida. Marcou 20 gols e sofreu 5 gols. A equipe azulina trouxe em sua bagagem um troféu, ofertado pelo Ministério de Obras Públicas da Venezuela. Abaixo os resultados desta excursão:

14/01/1950 Remo 5 x 2 La Salle - Caracas
15/01/1950 Remo 4 x 0 Unión - Caracas
17/01/1950 Remo 2 x 0 Deportivo Itália - Caracas
21/01/1950 Remo 1 x 2 Loyola - Caracas
23/01/1950 Remo 3 x 0 Combinado de Jogadores Espanhóis - Caracas

3 comentários:

Unknown disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Bruno Martins disse...

pq aparee 1995 no torneio de Toulon que o Remo disputou? mas foi em 1994.

Bruno Martins disse...

pq aparee 1995 no torneio de Toulon que o Remo disputou? mas foi em 1994.